Topo

Palavra do Presidente

Página Inicial Nossa Empresa Palavra do Presidente

Retomada do crescimento

O agronegócio voltou a mostrar sua força em 2018. Com produtividades variando de razoáveis a boas e preços bem mais atrativos pelos grãos que no ano anterior devido ao dólar e à guerra comercial entre China e Estados Unidos, as vendas de soja e milho impulsionaram o faturamento do setor. A C.Vale conseguiu um expressivo aumento de 23,14% em suas receitas, totalizando R$ 8,5 bilhões, graças, principalmente, ao recebimento de 62,37 milhões de sacas de soja e milho.

A carne de frango, no entanto, teve seu desempenho bastante prejudicado pelas limitações impostas pela Europa e China às exportações brasileiras. A greve dos caminhoneiros e o baixo nível de consumo do mercado interno também atrapalharam na medida em que afetaram a rentabilidade do setor. No segmento peixes, conseguimos ampliar o abate de 28 mil para 77 mil tilápias/dia em 2018, conquistando espaços importantes no mercado nacional.

O desempenho da C.Vale teria sido ainda melhor se a rentabilidade dos negócios não tivesse sido afetada pela tabela de fretes e pela crise da economia nacional que levou as empresas a reduzir margens de lucro para conseguir vender seus produtos. Além do crescimento expressivo, em 2018 comemoramos os 55 anos da cooperativa. Lançamos a segunda versão de nosso Plano de Modernização em que pretendemos avançar ainda mais com nossa estratégia de investir na agroindustrialização. Nosso foco principal é gerar renda aos associados, abrir novas oportunidades de trabalho e melhorar a rentabilidade da cooperativa.

Em 2019, queremos retomar investimentos, começando pela ampliação do abate de frangos e de peixes. Também pretendemos melhorar nossa estrutura de recebimento de grãos. Para isso, será fundamental que o novo governo ofereça linhas de crédito com juros que viabilizem os investimentos, afinal o Brasil precisa encerrar o ciclo de dificuldades e começar uma nova era de prosperidade.

Alfredo Lang
Diretor Presidente

Fotos