C.Vale

Notícias

15/05/2012 | La Niña vai, El Niño vem

Ondas de frio serão curtas e verão 2012/13 deve ser chuvoso

O outono/inverno de 2012 no Brasil deverá se caracterizar por episódios de frio de curta duração. Informações divulgadas pela Administração de Oceanos e Atmosfera (NOAA) dos Estados Unidos revelam que as águas do Oceano Pacífico na região equatorial chegaram a ficar 1,9 ºC acima da média na segunda semana de abril. É a maior variação positiva semanal desde 10 de junho de 1998. Essa condição, combinada com o aquecimento do Atlântico no litoral Sul do Brasil, pode dificultar o avanço das massas de ar frio pelo interior do continente, explica Márcio Custódio, diretor-técnico da Somar Meteorologia. “As águas quentes do Pacífico  intensificam a chamada corrente de jato e a posicionam de uma forma a segurar as ondas de frio sobre a Argentina ou sobre o extremo sul do Brasil. No Atlântico, as águas quentes também podem ajudar a enfraquecer as ondas de frio. Teremos frio, mas ele poderá não ser duradouro e não tão abrangente, como em anos normais”, revela. Para Luiz Renato Lazinski, meteorologista do Inmet, o frio chega mesmo no final de maio. “O risco de geadas é grande entre o final de maio e o início de junho.”
Outra forte influência do aquecimento do Pacífico Equatorial deverá ser o aumento do volume de chuvas a partir do segundo semestre. Depois de duas safras seguidas com águas mais frias no Pacífico, indicando La Niña ou neutralidade, agora os modelos de previsão climática começam a convergir para um padrão de El Niño. Custódio entende, porém, que é preciso aguardar novas rodadas dos modelos de previsão climática para confirmar essa projeção.
Na última vez em que o Pacífico se aqueceu tanto quanto agora em 2012 foi registrado um dos três mais intensos episódios de El Niño do século passado. Conforme Custódio, “correntes de jato e Atlântico quente  também contribuem para mais chuva nos próximos meses”. Projeção semelhante faz o meteorologista Luiz Renato Lazinski, do Inmet. “Os modelos sinalizam a volta do El Niño mais para o segundo semestre. Podemos esperar uma primavera mais chuvosa, tudo o que trigo não quer, mas, por outro lado, vai ser um clima muito melhor para a próxima safra de verão.”

CENTRO-OESTE
As condições de chuva e temperatura no centro-sul do Mato Grosso do Sul serão bastante parecidas com as do Paraná. No norte do estado e em Mato Grosso o período seco tende a ser menor em 2012, afirma Márcio Custódio. “O La Niña estende a chuva até abril e El Niño traz chuva antes na primavera. No verão, costuma chover mais em períodos de El Niño, o que pode atrapalhar a colheita.”

Modelo norte-americano de previsão indica aquecimento das águas do Pacífico (em vermelho)

Com plantio antecipado, risco de perdas de milho por geada é pequeno em 2012

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Mais notícias
C.Vale

C.Vale – Cooperativa Agroindustrial
Av. Independência, 2347 | Palotina – PR
CEP: 85950-000 | Tel: 55 (44) 3649-8181

blz.com.br